Pular para o conteúdo

E a vida está tão lenta

07/03/2011

Aonde você vai? Já faz tanto tempo!

Eu não posso acreditar que você realmente se foi, você sempre me deixou sozinho, mesmo nos dias em que me abraçava, seu corpo sempre estava, mas sua mente tão longe.

E as luzes se apagam tão lentamente;

Os dias se passam tão vagamente, estou sentindo sua falta a cada manhã,

Mais uma vez eu sinto o desejo de te olhar nos olhos

E eu que pensava que nunca iria deixar você partir; Você sabe que eu nunca estou tão mal, e se tudo isto demorar mil anos eu sempre estarei bem ali ao seu lado.

Demasiado jovem para conseguir ficar de pé, eu sempre me pergunto onde você está agora?

Eu sinto você quando você está me assistindo de longe,

E quando eu olho nos olhos das outras pessoas eu vejo seu rosto,

Seguro na promessa que você me fez naquela tarde sombria de um domingo qualquer!

Era um tempo precioso que estávamos juntos, passamos minhas melhores lembranças.

Deixe-me mostrar que eu não posso dizer, eu não posso acreditar que você se foi.

E minha vida continua tão lenta…

 

Anúncios
One Comment leave one →
  1. Érica permalink
    18/06/2011 14:02

    Lindo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: